Arquivo do Autor

É hora de voltar!

Posted in Blogs with tags on 29/12/2011 by Juraski

Anúncios

Ficha de BESM d20 melhorada.

Posted in RPG with tags , , , on 03/11/2010 by Juraski


Pessoal, como mestre de BESM d20 tenho sofrido com a ficha horrível que vem no livro, por isso eu e  o Yume RPG resolvemos editar e melhorar uma ficha pro cenário. Todos que desejarem viver aventuras ao estilo anime podem baixá-la aqui. Ah, em breve vou falar muito mais sobre esse RPG da Guardians of Order e sua adaptação para d20 modern. Aguardem! Comparem aí as duas fichas, a do livro e a do Yume RPG.

Mudar é bom

Posted in ARTIGOS, RPG with tags , on 26/10/2010 by Juraski


Bom, este é meu primeiro texto neste blog e de cara pretendo bater de frente com uma legião de rpgistas a que eu costumo chamar de “mais do mesmo”. Desculpem se esse texto vai soar agressivo,  se for ótimo, ser agressivo é seu objetivo mesmo! Antes de tudo quero afirmar aqui que o grande objetivo do RPG é a mudança! Opa, alguem falou em diversão? Sim, diversão é importante, mas alguem acha divertido começar e terminar o jogo com o personagem no mesmo nível e do mesmo jeito que iniciou sem ter feito nada de diferente? É..acho que não né. Bom… continuando minha divagação sobre mudanças:

Mais do mesmo

Que me desculpem os mestres tradicionalistas, mas como jogador não vejo nada mais triste que jogar sempre no mesmo cenário com os mesmos npc’s e do mesmo jeitinho de sempre.  RPG é algo muito vasto e interessante para ser explorado de forma tão parca e preguiçosa. O resultado desse tipo de atitude quase sempre é um bando de jogadores mal acostumados e carregados de senãos e preconceitos com outros cenários, sistemas e estilos de campanhas.

Novo WOD, novo D&D na minha mesa não! Porque não?

Serei curto e grosso, as pessoas mudam, os personagens mudam, qual o problema de se experimentar novas edições, sistemas ou cenários diferentes? Por favor, que ninguem venha com aquela de que livros são caros e que as editoras só querem ganhar dinheiro! Sim, elas querem dinheiro, e os autores também. Ambos precisam se sustentar, eles não estão ali só pelo amor ao RPG, que aliás pra maioria de nós é um hobby, mas que pra eles é o pão de cada dia. Pense apenas o seguinte, se ninguem mais comprar livros de RPG novos, o que acontecerá com a indústria de RPG? Ai! eu disse indústria né, perdão aos revolucionários bolivarianos que estiverem lendo esse artigo, mas RPG é uma indústria sim! Aqui no Brasil se reclama (e com um tanto de razão) de que o RPG não é valorizado e de que a Devir e as outras editoras não trazem material para cá. Também reclamam que elas não dão chances suficientes para os autores locais. Mas sinceramente, se você está no grupo dos que reclamam disso mas nunca quis comprar livros novos de RPG, faça me um favor,  se dirija ao estrume mais próximo. Hipocrisia é o que faz um hobby afundar. Óbvio que nem todo mundo tem dinheiro sobrando pra sair comprando todos os livros de RPG que quer, mas é triste ver pessoas com condição financeira que gastam dinheiro em coisas bem supérfluas reclamando dos preços dos livros de RPG. Logo pra muitos dinheiro não é desculpa.

Porque mudar?

Mudar é bom, estagnação é ruim. Não se aprende nada novo, jogando a mesma coisa sempre. O que vale pra vida vale pro RPG. Existem centenas de cenários de RPG pouco explorados e que podem proporcionar muita diversão além de novas experiências a jogadores e mestres. Se limitar a um ou outro é limitar-se a si mesmo. Pense nisso!